Topo
Blog UOL Música

Blog UOL Música

Categorias

Histórico

Prestes a lançar disco de estreia, musa do funk revela que “odiava” música que virou hit

UOL Música

17/04/2013 06h00

Oscar Fujiwara
DO UOL, em São Paulo

Repleto de mulheres bem-sucedidas, o funk carioca vê ingressar no seu clube de musas mais uma integrante que está em alta nas rádios brasileiras. Com o hit "Meiga e Abusada", a cantora Anitta está na lista das mais tocadas nas FMs desde o final de 2012 e agora se prepara para lançar o 1º disco de sua carreira.

Com direito a clipe gravado em Las Vegas e dirigido pelo norte-americano Blake Farber, que já trabalhou com Beyoncé no vídeo de "Countdown", a carioca de 20 anos revela que "odiava" a música responsável pelo seu sucesso e que agora está começando a investir em uma carreira nacional, saindo um pouco do Rio de Janeiro.

Em entrevista ao UOL, a morena passa detalhes do álbum de estreia, dá dicas sobre o próximo clipe, "O Show das Poderosas", e conta como está encarando a ascensão profissional.

Acreditava que "Meiga e Abusada" se tornaria um hit nacional?

Para falar a verdade, eu nem gostava dessa música. Odiava [risos]. Achava meio paradona e que o público não iria curtir, mas minha empresária falou que era para eu acreditar. Hoje em dia, está fazendo o maior sucesso, tocando em todos os lugares. É bem diferente das músicas que tinha lançado antes, mas o pessoal gostou por causa disso, é uma cara nova minha. Me surpreendeu.

A letra da música vem de uma experiência real?

Sempre tento falar de coisas que já vivi, daquilo que acho e o que penso. Muitos caras inventam que estão cansados da vida de solteiro, que querem parar e namorar um pouco, quando na verdade falam isso só para te enrolar. Queria mostrar na música que a gente pode muito bem fingir que está sendo enrolada e acabar com eles. Essa foi a intenção e acabou que ficou legal. Pedi para os meus produtores escreverem uma música que contasse tudo isso, me meti no meio e fizemos a letra juntos.

A ideia de gravar o clipe de "Meiga e Abusada" em Las Vegas foi sua?

Foi ideia da minha empresária de ir para Vegas. Contrataram um diretor americano que até já trabalhou no clipe da Beyoncé e acabou ficando bem diferente. Foi muito legal, adorei o resultado final do trabalho. Já está até passando na televisão. Agora, vamos lançar o clipe da música "O Show das Poderosas" e a expectativa é muito grande, porque fizemos uma superprodução. O clipe é em preto e branco, gravado em um teatro. Uma coisa bem "classuda",diferente e eclética. O lançamento será no dia 18 de abril (quinta-feira). Estamos investindo nos clipes, porque é uma parte que gosto muito de fazer.

Assista ao clipe de "Meiga e Abusada":

 

E quando vai sair o seu disco de estreia?

Vamos lançar no início do segundo semestre deste ano. Já fizemos algumas músicas. Está demorando um pouco porque sou muito detalhista, crítica e rigorosa. Quero muito ver cada detalhe. Agora, estamos trabalhando o EP, que traz  "Meiga e Abusada", "O Show das Poderosas" e uma nova versão de "Menina Má".

Já está fazendo muitos shows fora do Rio de Janeiro?

Estou começando a sair do Rio agora, aos poucos estou tentando me firmar. Como já estamos bem grandes lá, queremos firmar a música nos outros estados para começar a sair e fazer shows. Já vejo em redes sociais muitas pessoas perguntando quando vou para determinado lugar. É o que eu sempre quis. Recentemente, me apresentei em Belo Horizonte e fui recebida com o mesmo e carinho e atenção do Rio de Janeiro, achei incrível.

Como é o seu relacionamento com outros funkeiros do Rio?

Tenho muitos amigos no funk. O MC Sapão é do mesmo escritório que eu e é muito meu amigo, fazemos muitas apresentações juntos. O Buchecha é muito meu amigo também, o admiro muito.

O que acha do título de nova musa do funk?

Fico muito feliz. O funk que me descobriu, ele que me abriu as portas. Fico grata por poder levar um trabalho diferente e qualificado para a música brasileira.

Você mudou muito fisicamente desde 2012. Tem investido bastante na sua imagem?

Já fiz cirurgia estética [silicone nos seios] , mas nada demais que mudasse muito. Visualmente, ficou praticamente a mesma coisa. É o tempo também, se você vir fotos minhas de quando tinha 12 anos, era horrorosa. Tinha o cabelo e o nariz horrorosos. Porque essa é uma idade na qual geralmente a criança é feia. Você está na puberdade, não é criança, nem adulto e tem espinhas. Era uma negação [risos]. Não invisto tanto no visual, invisto mais no modo de me vestir, na maquiagem. Com o corpo, tento malhar sempre, só que não consigo muito. Tenho mantido o mesmo padrão de vida.

Com toda a exposição na mídia, já recebeu convites para posar nua?

Não recebi nenhum convite ainda. Muita gente pergunta, mas não recebi. Não faria, porque não tem muito a ver com meu momento. Faria até um ensaio sensual, sem nudez, dependendo do que fosse. Tenho muitos fãs que são crianças e canto muito sobre a mulher no comando, no poder. Se posasse nua, estaria indo contra o meu discurso.

Clique aqui e curta o hit "Meiga e Abusada" na Rádio UOL

Sobre o Blog

Este é o blog oficial do UOL Música Deezer. Com ele, nós da equipe e nossos colaboradores podemos nos comunicar com os ouvintes, sugerindo, informando, divulgando e discutindo tudo que diz respeito ao universo musical. E é claro, ouvindo o que vocês têm a dizer. Ouça, leia e comente!

Mais Blog UOL Música