Topo
Blog UOL Música

Blog UOL Música

Categorias

Histórico

Com visual metal, MadHouse faz som original que conquistou até Jô Soares

UOL Música

26/10/2016 13h29

Os cantores Thiago Casarejos e Lio Júnior foram o MadHouse (Divulgação)

Os cantores Thiago Casarejos e Lio Júnior foram o MadHouse (Divulgação)

A dupla MadHouse mostrou ao que veio no clipe da música "Vendetta", lançado há menos de 2 meses no YouTube e que já os levou ao Programa do Jô. Com visual hard rock/metal e uma sonoridade com um quê de originalidade, o duo transita entre o rock e o pop. "Quando começamos há 10 anos, a empolgação era rock n' roll. Gostávamos de uma pegada mais glam e a intenção era, eventualmente, partir para o progressivo", conta Lio Júnior.

A ideia inicial era formarem uma banda. Acontece que desentendimentos e burocracias reduziram o quarteto a dupla. "Em dois é mais fácil de administrar os negócios também", opina Thiago Casarejos. O duo não gravou nenhum instrumento e nem arriscam ao vivo, preferem focar no vocal mesmo. "A gente toca em um nível 'ok' para composição, mas para subir ao palco achamos desnecessário", fala Lio.

A carreira do MadHouse deu uma reviravolta na semana passada, quando foram entrevistados pelo Jô e conseguiram conquistar o apresentador e plateia. "A gente não está entendendo direito, a ficha está caindo agora. Desde a entrevista, nosso celular não parou de tocar, a página do Facebook aumenta a cada minuto. E não teve um comentário negativo, isso que é o mais legal", afirma Lio.

"Todo artista e, na verdade, todo mundo tem o sonho de ser entrevistado pelo Jô. E ter esse retorno muito rápido é surreal. Significa que o nosso trabalho está caminhando no sentido certo", completa Thiago.

O single "Vendetta" foi escrito há alguns anos e funciona como uma crítica "oculta" para o carma. "Temos duas encenações do clipe, a parte boa e a ruim. É o conceito do Yin Yang que o universo está em equilíbrio. Usamos pessoas de todos os tipos, tribos e raças", analisa Lio.

A faixa "Falling" mostra o lado acústico do MadHouse e privilegia o belo trabalho vocal do duo. As gravações do EP de estreia estão avançadas e o plano e divulgar em 2017. "Começamos a receber ligações de produtores e agentes, então por enquanto estamos estudando as possibilidades. E é ótimo tirar esse tipo de responsabilidade do ombro", diz Thiago.

Uma nova turnê em Ibiza também está entre os planos. A capital mundial da música eletrônica recebeu muito bem a banda, para a surpresa deles. "Quem vê a nossa cara logo pensa o que fizemos em Ibiza. Ficamos 3 meses lá e adaptamos algumas coisas. Acabamos entendendo o papel da música eletrônica para a cidade. Tomamos um susto quando vimos todo mundo pedido autógrafo e foto. Fomos muito aceitos", relembra Thiago.

A música entrou muito cedo na vida do grupo. Thiago ganhou um teclado quando criança, mas privilegiou o canto na adolescência quando formou uma banda com os amigos. Por outro lado, Lio enfrentou diversas dificuldades financeiras antes de se aventurar como ator em São Paulo. Mesmo com o receio da mãe sobre a vida noturna de músico, o cantor não desistiu.

Com caminho aberto, o MadHouse pode decidir como trilhar a ascensão na carreira. A dupla conseguiu fazer música de qualidade com um toque estranho para quem vê pela primeira vez. A pegada pop é que dita o ritmo, colocando um sentido na sonoridade a partir de misturas diversas. "Estamos misturando coisas novas, pretendemos trabalhar com diferentes gêneros musicais, mas não postamos nada ainda. Fica na surpresa", brinca Lio.

Sobre o Blog

Este é o blog oficial do UOL Música Deezer. Com ele, nós da equipe e nossos colaboradores podemos nos comunicar com os ouvintes, sugerindo, informando, divulgando e discutindo tudo que diz respeito ao universo musical. E é claro, ouvindo o que vocês têm a dizer. Ouça, leia e comente!

Mais Blog UOL Música